Carcinoma da Tiróide

A Glândula Tiróide

A tiróide é uma pequena glândula em forma de borboleta que se encontra abaixo das cordas vocais e à frente da maior via respiratória (traqueia). 

Geralmente há quatro glândulas paratiroideias atrás da tiróide, junto aos dois nervos das cordas vocais. Apesar da sua pequena dimensão, a tiróide é extremamente importante, uma vez que tem a função de produzir e armazenar hormonas importantes que são libertadas para a corrente sanguínea quando necessário. Estas hormonas são responsáveis por ativar vários processos importantes no corpo humano, preparando-o para a ação – o bom ou mau funcionamento da tiróide tem um grande impacto nos níveis de energia e na sensação de bem-estar.

 

Funções das hormonas tiroideias
  • Influência na atividade cardíaca e na pressão arterial
  • Regulação energética
  • Conversão de hidratos de carbono, importante para manter níveis saudáveis de insulina
  • Redução dos níveis de colesterol
  • Influência na força muscular 
  • Regulação de minerais essenciais para ossos saudáveis

 

Função da Tiróide

As duas hormonas tiroideias mais importantes são a T3 (triiodotironina) e a T4 (tiroxina ou tetraiodotironina). A tiróide necessita de iodo, absorvendo-o a partir do sangue, para produzir estas hormonas. As hormonas tiroideias são armazenadas e excretadas na corrente sanguínea, sendo depois transportadas para os órgãos onde atuam. Estas hormonas afetam muitos sistemas do corpo, incluindo o sistema circulatório, metabolismo das gorduras, e atividade das glândulas sudoríparas, dos rins e dos intestinos. Para além disso, as T3 e T4 são maioritariamente responsáveis por processos de crescimento e pela regulação do consumo energético.