Apoio a doentes

Depois do tratamento inicial, é normal sentir-se física e mentalmente esgotado.

O acompanhamento psicológico pode ser uma ajuda complementar ao cuidado médico que se recebe e pode ser útil procurar suporte adicional de grupos de apoio à pessoa com cancro. O contacto com outras pessoas que sofrem da doença ou que já passaram por um carcinoma da tiróide – por exemplo, através de grupos de apoio locais – pode ser uma grande ajuda, uma vez que elas saberão aquilo por que está a passar e poderão oferecer-lhe conselhos práticos. O seu médio também poderá recomendar grupos de apoio locais ou outros recursos adicionais.

 

Associações de Doentes

As associações de doentes podem colocá-lo em contacto com outras pessoas que passaram por experiências similares – ou simplesmente ser uma forma de encontrar conselhos úteis e apoio.

Em Portugal poderá procurar ajuda e apoio na Associação das Doenças da Tiróide (ADTI).